Amanda Accioli, aluna do mestre Adriano Ornellas (Ornellas Team), ganha vice campeonato brasileiro de jiu-jitsu pela CBJJ, no peso e no absoluto em sua estréia no Master 3

terça-feira, 3 de maio de 2016

Relato real por Amanda Accioli
@amandicaindica      
#amandicabjj


Medalhas pelo vice campeonato brasileiro peso e absoluto


O primeiro campeonato e as primeiras medalhas no peso e no absoluto NUNCA IREI ESQUECER! Fui vice campeã na faixa azul, master 3, peso pesado de 2016, mas pra mim foi como se eu tivesse levado o 1o lugar!

Esses meses me preparei, dentro do possível e do horário que posso treinar, 3x por semana por somente uma hora por dia, afinal tenho que trabalhar, cuidar da casa, filha e tantos outros afazeres. Ser sozinha não é fácil mas quando fazemos o que amamos tudo fica mais fácil!

Como já disse, não foi dessa vez o 1o lugar, mas estou feliz com o vice campeonato peso e absoluto no Campeonato Brasileiro 2016 de Jiu-Jitsu, mesmo com tantos erros e falhas que eu prometo que irei evoluir. Mas hoje preciso agradecer os parceiros deste jornada.

Primeiro meu grande mestre Adriano Ornellas @ornellasbtt pelos ensinamentos, paciência e persistência em mim, sem ele não teria tido confiança de pisar lá, gde samurai, homem correto, trabalhador, de familia, principios e valores; toda a equipe @Ornellasteam pois sempre me ajudam nos treinos, e em especial ao Tony amigo que incentivou muito e ensinou demais; à @dragaokimonos e ao @fulviosaba que desde que voltei aos 40 anos no tatame acreditou na minha história de amor ao JJ; à @spartanusfightwear tb presente há mais de ano comigo e nesse campeonato foi top ter usado sua calça de compressão; à @mahalmodas e @estilistaviniciuscaspar que me ajudam a ficar mais bonita fora do Tatame e torcem por mim todo esse tempo; à todos do @GuerreirosdoTatameOficial que eu sei que além de ajudar o grupo que criei com tanto amor, torcem por mim e sempre convidam para os treinos, bem como à Team Mercadão e seus mestres; à @farmaciademanipulacaostevia que me ajuda a cuidar da saude e problemas do Hashimoto doença auto imune da tireóide, ao @drvictorsorrentino que mesmo fazendo tempo que não vou visita-lo ainda sigo muita coisa do que me ensinou e do que aprendi em seus livros, vídeos etc (mês que vem irei me consultar), à algumas amigas especiais como a Alessandra e a Gabriela que apesar de me acharem louca sabem que eu amo o que faço e qdo precisei delas nas minhas cirurgias me ajudaram; à @sarafittel que torceu de longe e entrou em parceria comigo agora pra melhorar meu condicionamento físico para as próximas batalhas; à @wring_jj (Marcio e Ana Guila) que com suas rashs me ajudaram nos treinos e tb ajudam sempre com os Guerreiros. A todos os amigos que torceram sem exceção. E principalmente à Deus pois sem Ele nunca teria chego até aqui neste 1o campeonato de minha vida.

Fui picada pelo gosto dos campeonatos rsrsrs! Mesmo já coroa vou embarcar nessa... ganhando ou perdendo essa experência foi única e levarei por toda a minha vida: emoção, adrenalina, vibe sensacional!

****Considerações quando acordei no dia seguinte, sábado, 30/04: foi como se tivessem passado o caminhão em mim... o stress de ontem deixa o corpo travado, o punho/tendão está digno de fazer gelo o dia todo e qdo tomei o amasso da montada na 1a luta ela amassou tanto minha cara, mas ontem não senti. Hoje maxilar, nariz e testa estão com os ossos doendo muito. E lógico que a "senhoura" aqui tá com a coluna sapecada. Mas gente... É sensacional...SENSACIONAL! Só que estou agora pensando em todos os meus erros, falhas, tudo o que eu poderia ter tentado fazer a não fiz por medo e inexperiência de campeonato. Gente, eu não ouvi meu mestre na 1a luta. Não por desobediência. Mas por insegurança comigo mesma. 

Mas VOCÊ TEM QUE SEGUIR SIM O QUE SEU MESTRE FALA MESMO ESTANDO INSEGURO CONSIGO MESMO, ele sabe o que é melhor, onde vc é bom e onde estão suas deficiências. De novo, obrigada Mestre Adriano Ribeiro Ornellas e peço desculpas por não ter usado 1/12 do que treinei pra essa competição. Não queria ter te decepcionado, mas fui inexperiente e cabeça dura. Mas tentei melhorar no absoluto. E assim serão nas próximas. Dou a cara pra bater mesmo, não tenho medo de perder, mas tenho medo de não evoluir por isso estarei usando tudo desta experiência do Campeonato Brasileiro pra melhorar cada dia mais. 

Obrigada de novo à todos da equipe, os que treinam de manhã comigo e principalmente ao Tony sempre parceiro, amigo e me ajudando à evoluir desde meu 1o dia de retorno ao tatame. Oss

Para acompanhar mais minha história curtam minha página: 

Algumas fotos abaixo:

Foto oficial do site CBJJ da primeira luta na categoria

Verificando a kimono 

Momentos antes de entrar no tatame


2o luta no absoluto - adversária forte do Master 4 Fernanda




Momento podium categoria

Equipe Ornellas Team















Nenhum comentário :

Postar um comentário

Follow by Email

Be More no Facebook

No Instagram @bemoreblog

Contatos

contato@bemoreblog.com.br
Amanda Accioli
11- 996690432
Jacqueline Abon Ali
11-983431234

BLOG BE MORE

Copyright © 2014 - Todos os Direitos Reservados