Bate-papo com o mestre de jiu-jitsu Jorge Pereira: o verdadeiro Jiu-Jitsu disseminado pela família Gracie!

quarta-feira, 24 de setembro de 2014

Matéria realizada por Amanda Accioli em maio de 2013



Hoje estou especialmente muito feliz e honrada por estar publicando este bate-papo que tive com o grande Mestre Jorge Pereira, que hoje em dia mora com sua família em Miami, mas foi super simpático e acima de tudo humilde em me conceder este bate-papo via internet.

Mandei algumas perguntas e abaixo estão as respostas... não mudei nada, deixei do jeitinho que ele escreveu, pois a idéia não é uma entrevista chata, e sim um bate-papo mesmo, descontraído, cheio de informação, como se ele estivesse sentando no tatame com você leitor...

Obrigada Mestre Jorge Pereira!

Abraços,

Amanda Accioli
@amandicaindica (Instagram e Skype)
@Amandica_Indica (Twitter)

_________________________________________________________________



 
Como começou sua história no Jiu-Jitsu? Gostaria que você nos contasse um pouco de sua trajetória.

Olha por incrível que pareça eu procurei o Jiu-Jitsu aos 15 anos de idade por causa de um valentão que apavorava geral a molecada do Condominio onde morava no Rio (Nova Ipanema) - hahaha, hoje dou muita risada disso . O "valentão" então acabou virando um grande amigo e hoje se tornou faixa preta de Jiu-Jitsu também, e diz que se inspirou em mim. Coisa engraçada, afinal eu também me inspirei nele !!!! KKKKKK !!!! Na realidade comecei o Jiu Jitsu com meu grande amigo e ídolo Marcelo Behring que logo me levou para a Academia do Rickson, Academia Gracie . Agradeço isso até hoje ao Marcelo, pois ter o privilégio e honra de ser formado pelo Rickson, puxa presente de irmão.
Dentro da Academia Gracie sempre lutei e representei nossa Academia. Quando Rickson se mudou para Califórnia continuei meu treinamento com Carlos Gracie Jr a quem devo muito também . Os olhos e a sensibilidade do Carlos me amadureceram muito também , enfim, me orgulho de ser um guerreiro da Academia Gracie e agradeco não só ao Mestre Rickson e Carlos bem como toda a familia por sua contribuido na minha formacao . Com o Rickson você aprende muito mais que Jiu-Jitsu , você adquiri postura , sem duvida alguma uma escola de pura Honra!!! Agradecimentos novamente .
Depois de me tornar campeao de Jiu Jitsu diversas vezes com Kimono , decidi me dedicar mais aos Vale Tudo, hoje sob uma versão bem mais comercial, o MMA .


Como se deu a mudança de País? O que você buscou em outro País que o nosso ainda não oferecia ao esporte?

Numa dessas minhas viagens para lutar pintou a luta com o MATT HUGES, e o monstro que foi um dos Campeões mais dominantes do UFC. A Luta foi em Atlanta e eu vim com a Dani (minha esposa, mas namorada na época ), isso deve ter sido no ano 2000, pois voltamos por Miami e simplesmente nos apaixonamos pelo lugar. Encaramos subemprego no começo, eu era Bouncer (Seguranca nos Night Clubs) e ela Host em restaurantes, mas logo comecei minhas academias e a construir minha clientela de aulas particulares e agora também de Personal Trainer, pois jé me certifiquei também como Personal. Ela também se formou em Instrutora de Pilates, mas o tradicional de Joseph Pilates e também é Personal. Ou seja, achamos uma vida onde a praticidade e riqueza de oportunidades realmente existe. Aqui você chega realmente onde quiser, basta trabalhar pra isso que o retorno vem de verdade. Senti isso: uma realidade mais justa e motivante. No Brasil eu trabalhava na mesma pressão, com uma clientela super bacana, mas o custo de vida era totalmente desproporcional com o fruto do meu trabalho. Eu amo o Brasil, seu charme e sua energia (caramba eu sou Brazuca!!!). Sonho com dias de mais igualdade e menos violência, enquanto isso não rola, tem sido bem mais conveniente pra mim o mercado de trabalho americano.


 Jorge Pereira Team - onde tudo começou
 

Que benefícios o Jiu-Jitsu trouxe para a sua vida?

O Jiu-Jitsu é o ar que eu respiro, eu procuro viver o Jiu Jitsu . De um motivo bobo de criança passou a ser uma disciplina de vida. Para mim o Jiu-Jitsu é a postura erecta do Leão, é o aqui e agora, vida e honra de uma geração. O Jiu-Jitsu me traz muito, pois me entrego muito a ele. Para mim a faixa preta não representa nada se não for vivida com Honra e Lealdade.O Jiu-Jitsu desenvolve e fortalece conceitos como Família, Disciplina, Honra. Enfim a postura Erecta do Leão !!!


Descreva o seu treino ideal em 20 palavras ou menos.

Antes de descrever o treino perfeito vou listar alguns dos títulos mais importante a que esse treinamento me levou : Tri Campeão Pan Americano ( 2002 /2003 /2004) - 3 ouros na Categoria, 2 ouros e 1 prata no Absoluto; Campeão Mundial 2008 - No GI , CAMPEÃO BRASILEIRO DE VALE TUDO - 1996 ( Acima de 90 kg ), CAMPEAO DO 1 e 2 CIRCUITO DE FREESTYLE - SP - VALE TUDO; CAMPEÃO EVENTO O LUTADOR - CANECÃO / RIO DE JANEIRO
Para isso 3 pontos da preparação deve ser respeitado:. PREPARACÃO , NUTRIÇÃO e DESCANSO.
Uma mÉdia de 6 a 8 hs de treinamento diários, divididos entre parte técnica , física , psicológica, com uma alimentação super equilibrada e uma suplementação , sempre necessária no trabalho do atleta. E tão importante quanto um bom repouso pra recarregar as baterias, kkkk
Gosto muito de treinar na Natureza, subir a pedra da Gávea fazia parte do meu treinamento sempre, fortalecia o corpo , abria os pulmões e a mente . Ser natural só se fortalece no meio da natureza. E treino técnico e o de sempre.

Mais aqui:  http://www.brazilianjiujitsu.com.au/Jorge-Pereira.aspx



 
Hoje, em Miami, quais suas funções junto ao esporte/lutas?

Hoje em Miami dou aulas de grupos na Academia Konckout Zone no Miami Design District , e aulas particulares no meu Dojo na Brickell, onde moro. Além disso sou Personal Trainer da ISSA (Institute of Science and Sport American ). Essa certificação ampliou em muito meu mercado, pois hoje não pego só amantes do Jiu Jitsu, mas todo aquele interessado em Bem Estar e Desenvolvimento Físico.


Quais os maiores preconceitos e tabus das mulheres no tatame no Brasil? E nos EUA há algum tipo de preconceito também?

Eu acho que essa coisa vem mudando muito. Mas para uma prática mais constante do público feminino , devemos incentivar turmas femininas e não mistas . Sendo ou não besteira, maridos, namorados e até mesmo as mulheres se sentiram mais confortáveis dessa maneira . Não aprovo muito a turma mista, pois fica difícil realmente garantir uma boa conduta de todos , sempre tem prego em qualquer lugar ,kkkk. Sendo turma feminina o desenvolvimento da teénica vira sem problema nenhum . Dou a maior força para as gatinhas Jiu -Jiteiras.


Como o jiu-jitsu pode ajudar as mulheres no dia a dia?

Como disse antes acho essencial a formação de turmas exclusivamente femininas , pois agradará muito mais a todos e também seré de uma produtividade muito maior, pois nós mestres podemos nos dedicar a pontos mais importantes para esse público. Um forte embasamento na Defesa Pessoal antes de mais nada. É importante a mulher conseguir se safar de uma situação de ataque da forma mais rápida e sem muita luta , entende? Eu fui o professor que teve a primeira turma feminina do Rio , vc sabia? O jornal Globo fez uma grande reportagem na época : NOVA IPANEMA AQUI MENINA TAMBEM TEM VEZ ! Quando abri essa turma exclusivamente feminina , tinha 12 alunas e eu apenas 21 anos . Hoje tenho 48, por ai você vê a quanto tempo lancei a semente . As turmas femininas do Carlson e do Carlinhos Gracie só vieram depois e eles sabem disso .


Se você pudesse listar 5 motivos tops para as mulheres começarem o jiu- jitsu, quais seriam?

A defesa pessoal e a tecnica do Jiu- Jitsu em geral áa mais seguranca e tranquilidade aos seus praticantes , outro beneficio é um corpo sarado e saudável . Técnicas anti rape são de grande atrativo principalmente aqui nos USA . As mulheres devem sim saber se defender .
DEFESA PESSOAl, CONDICIONAMENTO FISIC , DISCIPLINA NUTRICIONAL, AUTO-CONFIANÇA, PERCEPÇÃO.


 Turma do tatame do Vander - GALERA DO RIO

  
Existe idade para começar, em relação à mulheres e homens também? E crianças à partir de que idade?

Meu filho começou hoje a primeira aula de grupo. Tem 4 aninhos, quanto mais cedo melhor . Acredito muito na Baby Class!!!


Fale dos lugares onde dá aulas de jiu-jitsu, onde pretende ainda montar suas turmas e academias - ou seja - quais suas expectativas para o futuro.

Meu grupo de Academais é a ROOTS BRASILLIAN JIU JITSU , e tenho Academias aqui em Miami (KNOCKOUT ZONE), em Sydney com meus faixas pretas e também no Brasil e Macedônia , Bulgaria , Coréia do Sul . E por aí vamos expandindo. Em São Paulo, Rogério Garbin é o nosso faixa preta responsável por ROOTS BJJ . Maiores informações no site rootsbjj.com.
Divido meu tempo entre minhas classes em grupo e privates , bem como meus seminários pelo mundo. Em 2007 criei o extinto RIOHEROES , programa de lutas sem luvas, sem tempo e sem regras pela internet, e até hoje dou seminários sobre essa que foi e é a única fonte de Real Combate, real Vale Tudo sem cortes e regulamentos Hollywoodianos .
Meu tel em Miami e 786 395 29 02, pintando por aqui e so ligar para um treinamento técnico ou fisico, okay galera ?


Com relação ao aprendizado dos alunos, o que o diferencia dos demais Mestres e das demais escolas?

Acredito na formação do carácter com o aprimoramento e fortalecimento da Honra bem como da Técnica . Acredito em conceitos como Lealdade , Família e Honra . Para mim Jiu-Jitsu é nada sem HONRA . Talvez isso me diferencie um pouco sim.


ROOTS BJJ AUSTRÁLIA
 


Você gostaria de dizer algo mais?

Gostaria de agradecer muito a oportunidade desse bate papo super gostoso com vocês leitores, convidar vocês a conhecer RIOHEROES no youtube e visitar nossas Academias ROOTS pelo mundo. Sempre temos uma bem pertinho de vocês! 
E continuem de olho nas dicas da Amandica, essa menina sabe tudo !!! 
Beijão Galera !!!!

Jorge Pereira


Jorge Pereira ministrando um dos seu seminários

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Follow by Email

Be More no Facebook

No Instagram @bemoreblog

Contatos

contato@bemoreblog.com.br
Amanda Accioli
11- 996690432
Jacqueline Abon Ali
11-983431234

BLOG BE MORE

Copyright © 2014 - Todos os Direitos Reservados